hp-support-head-portlet

Ações
Carregando...
Suporte ao Cliente HP - Base de Conhecimento

hp-contact-secondary-navigation-portlet

Ações
Carregando...

hp-share-print-widget-portlet

Ações
Carregando...
  • Informações
    Saiba como atualizar para o Windows 11

    Guia de atualização do Windows 11

    Informações

    Conserte e solucione problemas de atualização do Windows 10 em um Computador ou Impressora HP. Clique aqui

    Informações

    Problemas de áudio ou som? Teste o nosso automatizado HP Audio check!

  • Comentários

hp-concentra-wrapper-portlet

Ações
Carregando...

HP Latex 3000 Printer Series - Manipulação de substrato

Tipos de substrato suportados

Os seguintes tipos de substrato são compatíveis com a sua impressora. Para ver as configurações de substrato e os perfis específicos, consulte o HP Media Locator online: http://www.hp.com/go/latexmediafinder.
observação:
Não há suporte para substratos e substratos porosos com revestimentos porosos.
Vinil autoadesivo
  • Vinil autoadesivo moldado
  • Vinil autoadesivo calandrado
  • Vinil autoadesivo perfurado
  • Vinil autoadesivo transparente
  • Vinil autoadesivo refletivo
Faixa de PVC
  • Faixa iluminada pela frente
  • Faixa retroiluminada
  • Scrim Banner
  • Faixa scrimless
  • Faixa de tela com revestimento
  • Faixa blockout
  • Faixa ou lona de cortina de caminhão
Papel
  • Papel revestido
  • Papel sem revestimento
  • Papel fotográfico
  • Papel fotográfico realista
  • Papel fundo azul
  • Papel autoadesivo
Filme e faixa PP e PE
  • Filme de polipropileno (PP)
  • Papel sintético (do tipo Yupo)
  • Tyvek
  • Faixa revestida PE/HDPE (polietileno)
Filme PET
  • Filme de poliéster backlit (PET)
  • Filme de poliéster frontlit (PET)
  • Filme de poliéster de fundo cinza (PET)
Tecido
Os tecidos porosos podem ser usados somente com o coletor de tinta. Para verificar a porosidade do substrato, consulte Verificar a porosidade do substrato.
  • Tecido/material têxtil de poliéster
  • Faixa de tecido
  • Backdrops
  • Tela de tecido com revestimento
  • Tecido frontlit com revestimento, se poroso
  • Tecido backlit com revestimento, se poroso
  • Tela
  • Sinalizador e voile com revestimento
  • Tecido de algodão
  • Tecido autoadesivo
Revestimento de parede
observação:
Este é um exemplo de aplicação, e não uma categoria selecionável.
  • Revestimento de parede de papel ou papel de parede
  • Revestimento de parede de PVC
  • Revestimento de parede pré-colado
  • Revestimento de parede sem tecido
  • Revestimento de parede de tecido
  • Revestimento de parede autoadesivo

Verificar a porosidade do substrato

  1. Se a impressora não estiver carregada com nenhum substrato, descarregue-o.
  2. Corte um pedaço de vinil autoadesivo branco brilhante de 15 × 50 mm de ( (1,50 × 5 cm).
  3. Coloque-o no cilindro, cobrindo o sensor de avanço do substrato.
  4. Carregue o substrato que você deseja verificar.
  5. Abra o software RIP.
  6. Obtenha o arquivo de teste a partir do computador integrado da impressora: C:\Users\hplatex\Documents\HP IPS\InkTrespassingCheck\Ink_trespassing_check.pdf.
  7. Imprima o arquivo de teste usando o número de passagens e predefinição de substrato que você pretende usar no futuro com esse substrato (ou um perfil similar em termos de limite de tinta).
  8. Descarregue o substrato.
  9. Remova a fita de vinil autoadesiva do cilindro.
  10. Observe o vinil autoadesivo obtido do cilindro.
    • Se a faixa estiver completamente branca (não possuir tinta), o substrato testado será não poroso e poderá ser usado para impressão como descrito neste guia.
    • Se a faixa não for branca, o substrato testado será poroso e poderá ser usado somente com o coletor de tinta instalado.
  11. Limpe a zona impressão. Consulte Limpar a zona de impressão.Limpar a zona de impressão..

Substratos HP suportados

Categoria
Substrato
Calib. de cores
Aplicações
Vinil autoadesivo
Vinil adesivo HP brilhante moldado por liberação de ar
Sem revestimento: 50 mícrons • 100 g/m² • 45,7 m
Com revestimento: 241 mícrons • 260 g/m² • 45,7 m
Sim
Capas de veículo, frotas de carro/ônibus/caminhão, placas
Vinil adesivo HP brilhante permanente
Sem revestimento: 88 mícrons • 145 g/m² • 45,7 m/ 91,4 m
Com revestimento: 238 mícrons • 270 g/m² • 45,7 m/ 91,4 m
Sim
Vinil adesivo HP mate permanente
Sem revestimento: 88 mícrons • 145 g/m² • 45,7 m/ 91,4 m
Com revestimento: 238 mícrons • 270 g/m² • 45,7 m/ 91,4 m
Sim
Vinil adesivo perfurado unidirecional para janelas HP
Sem revestimento: 165 mícrons • 155 g/m² • 50 m
Com revestimento: 406 mícrons • 288 g/m² • 50 m
Não
Faixas de PVC
Faixa de tecido de reforço HP frontlit durável
449 mícrons • 535 g/m² • 35 m
Sim
Faixas, POPULARES, sinalizadores, tampas de controle, murais de parede
Papel
Papel de parede sem PVC HP *
177 mícrons • 175 g/m² • 30,5 m
Sim
Painéis de pontos de compra (POP) em ambientes internos e externos, janelas, abrigos de ônibus, painéis, decorações de parede
Papel branco acetinado para pôster HP
165 mícrons • 136 g/m² • 61 m
Papel fotográfico realista HP pôster
205 mícrons • 205 g/m² • 61 m
Sim
Papel para ambientes externos HP, verso azul
165 mícrons • 123 g/m² • 80 m
Sim
Novo Papel coated HP Universal, 3-in Core
124 mícrons • 90 g/m² • 61 m
Sim
Novo Papel coated HP, 3-in Core
114 mícrons • 90 g/m² • 61 m
Sim
Papel coated gramatura extra HP Universal, 3-in Core
165 mícrons • 125 g/m² • 61 m
Sim
Novo papel coated gramatura extra HP, 3-in Core
167 mícrons • 130 g/m² • 61 m
Sim
Novo Papel mate superpesado HP Plus, 3 in-core
259 mícrons • 210 g/m² • 61 m
Sim
Filmes e faixas PP e PE
Nova faixa reforçada HP HDPE
203 mícrons • 170 g/m² • 45,7 m
Sim
Faixas, painéis de pontos de compra (POP), sinalizadores, capas de caminhão, murais de parede, fotografias grandes, revestimentos de chão
Novo polipropileno fosco HP de uso diário, 3-in Core
203 mícrons • 120 g/m² • 61 m
Sim
Novo adesivo de polipropileno HP mate de uso diário, 3-in Core
Sem revestimento: 180 mícrons • 120 g/m² • 30,5 m
Com revestimento: 215 mícrons • 168 g/m² • 30,5 m
Sim
Faixa HP com DuPont Tyvek
Não
Filme PET
Filme de poliéster backlit HP
304 mícrons • 135 g/m² • 30,5 m
Sim
Abrigos de ônibus, anúncios de aeroporto, POPULARES, anúncios de rua
Tecido
Faixa têxtil leve HP para exibição
381 mícrons • 210 g/m² • 50 m
Não
Sinalizadores de ambientes internos, murais de parede, decoração interior, peças de arte
Faixa têxtil HP pesada
381 mícrons • 210 g/m² • 50 m
Não
Canvas acetinado HP
419 mícrons • 370 g/m² • 14,9 m
Não
  • Para ver soluções de substrato de terceiros com a tecnologia ColorPRO, visite http://ColorPROtechnology.com/.
  • HP PVC-free Wall Paper imprimé avec les encres HP Latex est classé A+ selon l’arrêté du 19 avril 2011 « Émissions dans l'air intérieur », qui définit des seuils sur l’émission de polluants volatils posant des problèmes en cas d’inhalation – sur une échelle de A+ (émission très basses) à C (émission élevée).
  • O papel de parede sem PVC HP impresso com tintas látex HP recebeu classificação A+ de acordo com o Émissions dans l'air intérieur, que oferece uma declaração do nível de emissão de substâncias voláteis no ar de ambientes internos que representem risco para a saúde caso inalados - em uma escala de A+ (muito baixa emissão) a C (alta emissão).
* O Papel de parede sem PVC HP impresso com tintas látex HP é certificado pelo GREENGUARD Children & Schools. Consulte http://www.greenguard.org/.
* O papel de parede sem PVC HP impresso com tintas látex HP segue os critérios de saúde estipulados pela AgBB, que avalia a emissão de COV de produtos em ambientes internos. Consulte http://www.umweltbundesamt.de/produkte-e/bauprodukte/agbb.htm.
Disponibilidade variável do programa de devolução de substratos HP de formato grande. Alguns substratos HP recicláveis podem ser reciclados por meio de programas de reciclagem comuns disponíveis. Programas de reciclagem podem não existir em sua região. Consulte http://www.hp.com/recycle/ para obter detalhes.

Dicas do substrato

Manutenção dos substratos

Ao armazenar os substratos, mantenha-os em suas embalagens lacradas e armazene os rolos verticalmente para evitar a migração de massas modeladas em alguns materiais.
Leve os substratos da área de armazenamento para a área de produção de impressão pelo menos 24 horas antes do uso para que eles possam se adaptar à temperatura e à umidade de tal área.

Dicas gerais

Manipule substratos impressos e não impressos com cuidado e, de preferência, usando luvas de algodão para evitar marcas de dedos. Para rolos pesados, utilize uma empilhadeira e duas pessoas com sapatos de segurança.
Antes de carregar um rolo:
  • Verifique se a temperatura e a umidade da instalação estão dentro do intervalo recomendado pela impressora. Consulte Especificações ambientaisEspecificações ambientais.
  • Verifique se o rolo ou seu centro não está dobrado ou deformado, pois isso pode causar o atolamento do substrato na impressora.
  • Se o rolo tiver sido armazenado em um local que não ofereça as condições ambientais recomendadas, aguarde até que ele se adapte à temperatura e umidade do ambiente da impressora.
  • Verifique qual é o lado correto para impressão lendo a etiqueta dentro do centro ou a observação inserida no pacote.
  • Verifique se o substrato está corretamente conectado ao centro de entrada. Caso contrário, o Internal Print Server informará um erro.
  • Verifique a espessura do substrato
    • Até 0,4 mm: Imprima normalmente.
    • 0,4 a 2 mm: Eleve o feixe do carro para uma posição personalizada. Suportes da borda não são necessários e não devem ser utilizados.
    • Maior que 2 mm: Não suportado.
Ao carregar o rolo, certifique-se de que a borda da frente está paralela e em direção ao centro de saída, além de fixada de forma uniforme (inicie prendendo o substrato ao núcleo, no centro, e então mova-a em direção às bordas).
Verifique também se as bordas laterais do rolo de entrada e saída estão corretamente alinhadas. Um rolo carregado de forma incorreta pode provocar ondas e pregas no substrato, causando borrões de tinta e falha do cabeçote de impressão.
Depois de carregar o rolo:
  • Se você tiver a intenção de usar suportes de borda de substrato, não use os suportes de borda de outra impressora, utilize apenas os suportes de borda que vieram com a sua impressora.
  • Verifique a posição correta do feixe do carro para impressão: posição personalizada para substratos espessos, posição de impressão para outros. Consulte Definir a posição do feixe do carro.
  • Verifique se está utilizando a predefinição do substrato correta no Internal Print Server, o perfil ICC correto e outras configurações no RIP.
  • Substratos HP são otimizados para oferecer a melhor impressão convencional com sua impressora.
  • Use o Internal Print Server para verificar se todas as calibrações apropriadas para o seu substrato foram feitas: alinhamento do cabeçote de impressão, calibração de cores Consulte Calibração da impressoraCalibração da impressora.
  • Não corte pedaços do substrato enquanto este é carregado na impressora. Isso pode fazer com que o substrato restante fique atolado.
Outras informações podem ser encontradas na web:
  • As especificações, acabamento, processamento e garantia de cada substrato HP estão disponíveis em http://www.globalBMG.com/hp/signagemedia e http://www.globalBMG.com/hp/HPMediaWarranties.
  • Informações sobre o HP Image Permanence estão disponíveis em http://www.globalBMG.com/hp/printpermanence.
  • A HP oferece para reciclar alguns substratos por meio do programa de devolução da HP, como a faixa reforçada HP HDPE, Faixa têxtil leve HP para exibição, Faixa têxtil HP pesada, polipropileno fosco HP de uso diário, 3-in Core e Faixa HP com DuPont Tyvek. Talvez não haja locais para reciclar esses produtos em todas as regiões. Consulte as fontes de reciclagem locais para obter informações sobre a reciclagem desses produtos. Para reciclagem nos EUA, acesse o site de serviços de reciclagem HP, http://www.hp.com/go/recycleLFmedia/.
    A HP oferece para reciclar alguns outros substratos através do processo de reciclagem de papel padrão, papel branco acetinado para pôster HP, papel fotográfico realista HP pôster, papel coated HP (3-in core), papel coated HP Universal (3-in core), papel coated gramatura extra HP Universal (3-in core), papel coated gramatura extra HP (3-in core) e papel mate superpesado HP Plus (3-in core).

Consistência de cores

A impressora foi projetada para fornecer uma excelente experiência em termos de consistência de cores e capacidade de repetição. Isso permite a impressão de trabalhos grandes, como gráficos de frotas e revestimentos de parede, em lados ou painéis, com a certeza de que quando os painéis prontos forem colocados borda a borda, as cores combinarão na junta.
A variação de cor de um trabalho impresso foi medida com este limite:
Diferença máxima de cor (95% de cores) <= 2 dE 2000
observação:
Isso se baseia em medições refletivas em um destino de cor 943 conforme o padrão CIE de iluminação D50 e, de acordo com o padrão CIEDE 2000 conforme o padrão DS 014-6/E:2012. 5% de cores, poderá ter variações acima de 2 dE 2000. Os substratos backlit medidos em modo de transmissão podem apresentar diferentes resultados.
A correspondência de cores dependente de muitos fatores externos. Leve em conta os pontos a seguir para alcançar esse nível de consistência:
  • Se um trabalho grande for impresso em painéis, mais de um rolo poderá ser necessário. Todos os rolos devem ser do mesmo em lotes e armazenados em condições corretas de acordo com as especificações do fabricante.
  • As condições de funcionamento (temperatura e umidade) devem ser mantidas constantes durante a impressão de todo o trabalho.
  • Certifique-se de que uma verificação do cabeçote de impressão e limpeza de rotina foram realizadas antes de iniciar o trabalho. Se alguma alteração do cabeçote de impressão for necessária durante o trabalho, realize o alinhamento do cabeçote de impressão e a calibração de cor.
Consulte também Calibração de coresCalibração de cores.

Configurações do substrato

O substrato pode ser carregado em diversas configurações para atender suas diferentes necessidades. Antes de carregar, vá para HP Internal Print Server e selecione Substrate (Substrato) > Load/Unload (Carregar/Descarregar), então, selecione a configuração que deseja usar.
As configurações básicas são mostradas a seguir. Essas configurações podem ser usadas para impressão com rolo simples ou duplo.
  • A configuração rolo para rolo é adequada quando você não pretender cortar e levar algumas impressões ou o rolo de saída no meio de um trabalho de impressão sendo feito usando um determinado rolo de entrada. O substrato não pode ser cortado no rolo do meio.
  • A configuração rolo para queda é adequada quando desejar cortar e remover uma ou mais impressões quando saem da impressora. O substrato é mantido sob tensão entre o rolo de entrada e o cilindro de tensão; mas ele pode ser cortado depois do cilindro de tensão porque ele não estará mais sob tensão.
  • A configuração rolo para coletor é adequada quando você desejar cortar o substrato e remover o rolo de saída antes de terminar o trabalho de impressão que está sendo feito usando um determinado rolo de entrada. O substrato é mantido sob tensão entre o rolo de entrada e o cilindro de tensão; mas ele pode ser cortado depois do cilindro de tensão porque ele não estará mais sob tensão.

Preparar para imprimir

As seguintes etapas devem ser seguidas antes de imprimir:
  1. Vá para HP Internal Print Server e selecione Substrate (Substrato) > Load/Unload (Carregar/Descarregar) para abrir a janela Printer Configuration (Configuração da impressora).
  2. Selecione a configuração da impressora que pretende usar; a ajuda na tela será exibida à esquerda.
    observação:
    A caixa Skip Substrate load check (Ignorar verificação de carregamento do substrato) deve ser selecionada apenas se a impressora já teve a mesma configuração (por exemplo, mesmo substrato, mesmo perfil), e por causa de um erro no sistema, você teve que reiniciar a impressora.
  3. Carregue o substrato. As instruções de carregamento do substrato são exibidas na janela Internal Print Server. Para obter instruções mais detalhadas, consulte Como carregar um rolo no eixo e Carregar um rolo na impressora.
  4. Selecione o tipo de substrato.
  5. Pressione o botão Concluir no Internal Print Server para iniciar a verificação de substrato e insira o tipo de substrato na janela Loaded Substrate (Substrato carregado).
observação:
Se a impressora ficou ociosa durante a noite com substrato carregado e exposta a temperaturas altas ou baixas, avance o substrato de 13 cm a 25 cm antes de imprimir, para evitar falha do cabeçote de impressão ou borrões de tinta no substrato.

Os suportes de borda do substrato

A função dos suportes da borda do substrato é impedir que as bordas do substrato elevem e fiquem presas durante a impressão. Se você tiver esse tipo de problema durante a impressão, poderá tentar usar os suportes de borda para resolvê-lo.
Os suportes de borda são altamente recomendados ao imprimir em substratos de tecido.
observação:
Os suportes de borda não são recomendados ao imprimir em substratos com espessura maior que 0,4 mm.
observação:
Os suportes de borda podem ser mais fácil de implantar se você levantar o feixe do carro (consulte Definir a posição do feixe do carro); no entanto, eles podem ser implantados sem levantar o feixe do carro.
A posição correta está ilustrada abaixo. O substrato não deve mover com facilidade nem tocar as extremidades do suporte da borda.
  cuidado:
Os suportes da borda na posição incorreta podem danificar severamente os cabeçotes de impressão e o carro.
observação:
Se o substrato for carregado com a borda direita fora da posição de 1,61 cm na régua do eixo, ou com a borda esquerda fora da posição de 1,62 cm, os suportes de borda não poderão ser usados porque não haverá espaço suficiente para elas.

Instalar um suporte de borda

Para instalar um suporte de borda, posicione-se na frente da impressora e prenda a parte dianteira do suporte de borda (marcada com o número 1 na parte azul) na parte dianteira do cilindro. Verifique se o substrato está alinhado às marcas no suporte de borda.
Em seguida, vá para a parte traseira da impressora, abra a mesa de carregamento, puxe a parte traseira do suporte de borda em direção a você e prenda-o na parte traseira do cilindro. Um ímã integrado ajuda a posicionar o suporte de borda corretamente no cilindro. Verifique se o substrato está alinhado às marcas no suporte de borda.
  cuidado:
Coloque o suporte de borda com cuidado. Ele deve permanecer totalmente liso, caso contrário, poderá danificar os cabeçotes de impressão e o carro.
observação:
Uma vez instalados, os suportes de borda não poderão ser deslizados lateralmente. Se você quiser movê-lo para os lados, será necessário removê-lo e reinstalá-lo na nova posição.

Substituir uma faixa de suporte de borda

Faixas de suporte de borda sobressalentes são fornecidas com o kit de limpeza. Troque a faixa se ela estiver quebrada (por exemplo, por um impacto) ou deteriorada (por exemplo, por acúmulo de tinta).
  1. Se ela estiver instalada na impressora, remova o suporte de borda do cilindro, soltando primeiro a parte de trás e, em seguida, a da frente.
  2. Afrouxe, mas não remova, o parafuso em cada extremidade do suporte de borda.
  3. Remova a faixa velha, insira a nova, e aperte os parafusos.
  4. Coloque o suporte de borda de volta no cilindro, se você tiver a intenção de usá-lo.

Como carregar um rolo no eixo

Impressão com rolo simples

O eixo possui um conector pneumático em uma extremidade e uma engrenagem na outra.
  1. Verifique se a engrenagem está no lado correto (depende da direção de rotação desejada).
  2. Insira o eixo no rolo.
    observação:
    O eixo é muito pesado para assegurar resistência e evitar inclinação e formação de rugas, por isso, é recomendável que duas pessoas executem essa operação.
  3. Observe a posição da extremidade do rolo na escala marcada nas duas laterais a partir do centro do cilindro. Os rolos de entrada e de saída devem ser posicionados de forma idêntica em seus respectivos eixos.
    observação:
    Os rolos deverão estar centralizados para reduzir o risco de inclinação, rugas e encurtamento.
  4. Conecte a pistola de ar ao conector pneumático no eixo e infle o eixo de forma que ele não se mova dentro do rolo.
observação:
Se o substrato for encurtado no rolo de entrada, haverá risco de atolamento de substrato e dano aos cabeçotes de impressão. Tente esticar as bordas do substrato para minimizar o encurtamento no rolo de entrada antes de carregá-lo na impressora.
observação:
Verifique se o substrato está conectado ao centro de entrada.
Agora o rolo está pronto para ser carregado na impressora.
observação:
Se você for um usuário regular de tipos de substrato diferentes, poderá alterar os rolos mais rapidamente se pré-carregar rolos de tipos de substrato diferentes em eixos distintos. Eixos extras estão disponíveis para a compra, consulte AcessóriosAcessórios.
observação:
O eixo de rolo duplo pode ser usado para impressão de rolo único. Trave a alavanca e infle as duas válvulas.

Impressão de rolo duplo

Você pode imprimir em dois rolos ao mesmo tempo usando o eixo de rolo duplo.
Colocando o eixo de rolo duplo
  1. Insira o primeiro rolo no eixo.
  2. Insira o segundo rolo no eixo.
  3. Centralize os dois rolos usando as marcas em ambos os lados do centro do eixo. Os rolos de entrada e de saída devem ser posicionados de forma idêntica em suas respectivas partes do eixo.
  4. Infle as válvulas em ambas as extremidades.
Use o Suporte central de rolo duplo para garantir que nenhuma parte do caminho do substrato apresente excesso de tensão devido ao peso do substrato. Quando o peso do substrato for alto, a ausência desse acessório poderá aumentar o risco de uma falha do cabeçote de impressão, diminuindo a sua vida útil e estragando a impressão atual. O Suporte central de rolo duplo deve ser calibrado; consulte o guia de rolo duplo, que pode ser encontrado em http://www.hp.com/go/latex3000/manuals/.

Carregar um rolo na impressora

O objetivo ao carregar o substrato é obter tensão uniforme em toda largura e comprimento, para minimizar o risco de deformação, rugas e encurtamento. Há quatro maneiras em que o substrato pode passar pela impressora:
  • Configuração rolo para rolo
  • Configuração rolo para rolo duplo
  • Configuração rolo para queda
  • Configuração rolo para coletor
Para cada configuração, há duas maneiras de carregamento do substrato:
  • Carregamento manual: Recomendado para substratos rígidas e finos
  • Carregamento assistido: Pode ser usado para tornar mais fácil o carregamento de substratos flexíveis ou largos
    observação:
    O carregamento assistido não é recomendado com rolos duplo.

Carregar um rolo (configuração rolo para rolo)

O rolo do substrato é montado no eixo de entrada (único ou duplo) e é coletado no eixo de saída. O caminho percorrido pelo substrato é: eixo de entrada (1), rolete principal (2), cilindro (3), desvio frontal (4) e eixo de entrada (5).
A ilustração anterior mostra o substrato carregado com a face para impressão voltada para fora tanto no rolo de entrada quanto no de saída. O substrato também pode ser colocado com o lado para impressão voltado para dentro em cada um ou em ambo os rolos fora no eixo. Se for colocado para fora, o eixo girará na direção contrária. A impressora perguntará pela direção do giro se não conseguir detectar automaticamente.
Cada um dos eixos tem seu próprio motor. Os motores mantêm a tensão no substrato. É aplicado um vácuo no nível do cilindro para manter o substrato liso. O substrato é movido adiante pelo motor do rolete da unidade no qual há um mecanismo de aperto para evitar que o substrato deslize.
Antes de carregar um rolo na impressora, você deve ter um rolo carregado em um eixo (o rolo de entrada) e um centro vazio carregado em outro eixo (o rolo de saída). Consulte Como carregar um rolo no eixo.
observação:
Para o rolo de saída, utilize um centro vazio único com o mesmo comprimento que o centro de entrada. Não coloque dois ou mais centros mais curtos no mesmo eixo, o que poderia causar problemas de avanço de substrato.
observação:
O eixo e os rolos de substrato podem ser pesados. Recomenda-se o uso de empilhadeiras ou algum outro equipamento para movê-los para a posição; caso contrário, levante uma extremidade para a impressora, e, em seguida, a outra.
  1. Vá para o HP Internal Print Server e selecione o menu Substrate Load/Unload (Carregar/Descarregar Substrato) e selecione a configuração correta.
  2. No Internal Print Server, escolha da lista de tipos de substratos o tipo que você colocou.
  3. Remova os suportes de borda do substrato do cilindro de impressão ou os mova para que não atrapalhem o carregamento do substrato.
      cuidado:
    Carregar o substrato em cima dos suportes da borda pode danificar severamente os cabeçotes de impressão e o carro.
  4. Traga o novo rolo em seu eixo para a parte traseira da impressora, com a extremidade dentada do eixo à esquerda.
  5. Apoie as extremidades do eixo nas plataformas fornecidas na parte traseira da impressora; as almofadas plásticas são fornecidas para absorver os impactos.
  6. Da mesma maneira, carregue o eixo com o centro vazio na frente da impressora. Nesse caso, a extremidade dentada do eixo deve estar à direita.
  7. Todos os substratos podem ser carregados usando o procedimento de carregamento manual (abaixo). No entanto, pode ser mais fácil usar o procedimento de carregamento assistido se o substrato for flexível ou largo.
Carregamento assistido
  1. Abra a porta frontal.
  2. Abra as travas do módulo de tratamento.
  3. Abra o módulo de tratamento.
  4. Abra as travas da mesa de carregamento.
  5. Abra a mesa de carregamento.
  6. Desenrole cuidadosamente um comprimento de substrato.
  7. Coloque- sobre a mesa de carregamento.
  8. Feche a mesa de carregamento.
  9. Rebobine o substrato manualmente até que a borda principal esteja perto das rodas de aperto.
  10. Feche as travas da mesa de carregamento.
  11. Vá para o Internal Print Server e use o botão azul grande para avançar o substrato até que ele chegue ao eixo saída. Verifique se o substrato avançou livremente e não ficou preso em alguma obstrução. Se necessário, ajude o substrato a avançar e passar pelo compartimento do módulo de tratamento.
  12. Abra a mesa de carregamento.
  13. Alinhe o substrato verificando se a borda do substrato está na mesma posição nos eixos de entrada e saída. Isso pode ser feito usando as réguas dos eixos ou medindo a distância entre a borda direita e a placa lateral.
  14. Quando o substrato estiver uniformemente tensionado e plano (sem rugas ou deformidades), prenda-o ao núcleo vazio com fita adesiva. Fixe primeiro o centro e, então as laterais direta e esquerda; não puxe excessivamente nem enrugue o substrato.
  15. Se você estiver usando os suportes de borda do substrato, coloque-o na posição correta e prenda-o na parte frontal.
  16. Feche o módulo de tratamento e as travas, e a porta frontal.
  17. Se você estiver usando o suporte de bordas de substrato, coloque-o na posição correta e prenda-o na parte traseira.
  18. Feche a mesa de carregamento e as travas.
  19. Vá para o Internal Print Server e pressione o botão Concluir. A impressora gira ambos os rolos para verificar seus diâmetros e também verifica a largura do rolo, a direção de rotação, o vácuo e a calibração do avanço de substrato (demora cerca de um minuto).
    observação:
    O tamanho do rolo aparece na parte inferior da tela; para alterá-lo, clique em Change substrate settings (Alterar configurações do substrato).
    observação:
    Alguns substratos (como substratos transparentes) não podem ser medidos deste modo pela impressora. Nesses casos, você será solicitado a preencher os campos Borda esquerda e Largura no Internal Print Server. Use a régua do eixo para verificar esses valores.
  20. Um alerta sobre o controle do avanço de substrato poderá aparece nesse momento. Para obter mais informações sobre quando é possível desativar rastreamento automático, consulte Compensação do avanço de substratoCompensação do avanço de substrato.
  21. Para mais informações sobre quando alterar a posição do feixe do carro, consulte Dicas do substrato.
Carregamento manual
  1. Use o Internal Print Server a fim de levantar o feixe do carro para a posição de carregamento.
  2. Abra a porta frontal.
  3. Abra as travas do módulo de tratamento.
  4. Abra o módulo de tratamento.
  5. Abra as travas da mesa de carregamento.
  6. Abra a mesa de carregamento.
  7. Desenrole cuidadosamente um comprimento de substrato.
  8. Coloque-o na zona de impressão.
  9. Empurre o substrato por dentro da impressora até ele atingir o eixo saída.
  10. Alinhe o substrato verificando se a borda do substrato está na mesma posição nos eixos de entrada e saída. Isso pode ser feito usando as réguas dos eixos ou medindo a distância entre a borda direita e a placa lateral.
  11. Quando o substrato estiver uniformemente tensionado e plano (sem rugas ou deformidades), prenda-o ao núcleo vazio com fita adesiva. Fixe primeiro o centro e, então as laterais direta e esquerda; não puxe excessivamente nem enrugue o substrato.
  12. Se você estiver usando os suportes de borda do substrato, coloque-o na posição correta e prenda-o na parte frontal.
  13. Feche a porta frontal e o módulo de tratamento.
  14. Se você estiver usando o suporte de bordas de substrato, coloque-o na posição correta e prenda-o na parte traseira.
  15. Feche a mesa de carregamento.
  16. Use o Internal Print Server para baixar o feixe do carro para a posição de impressão.
  17. Vá para o Internal Print Server e pressione o botão Concluir. A impressora gira ambos os rolos para verificar seus diâmetros e também verifica a largura do rolo, a direção de rotação, o vácuo e a calibração do avanço de substrato (demora cerca de um minuto).
    observação:
    Alguns substratos (como substratos transparentes) não podem ser medidos deste modo pela impressora. Nesses casos, você será solicitado a preencher os campos Borda esquerda e Largura no Internal Print Server. Use a régua do eixo para verificar esses valores.
  18. Um alerta sobre o controle do avanço de substrato poderá aparece nesse momento. Para obter mais informações sobre quando é possível desativar rastreamento automático, consulte Compensação do avanço de substratoCompensação do avanço de substrato.
Agora a impressora está pronta para imprimir.

Carregar um rolo (configuração rolo-para-rolo duplo)

Os dois rolos de substrato são montados no eixo de rolo duplo traseiro, e coletados no eixo de rolo duplo dianteiro. O substrato passa pelo eixo de entrada, rolete principal, cilindro, desvios dianteiros e eixo de saída.
observação:
Ao usar rolos duplos, recomenda-se que você use a configuração rolo-para-rolo para obter o melhor desempenho.
O substrato pode ser colocado com o lado para impressão voltado para dentro ou para fora no eixo. Se for colocado para fora, o eixo girará na direção contrária. A impressora perguntará pela direção do giro se não conseguir detectar automaticamente.
Antes de carregar dois rolos na impressora, os dois rolos devem estar colocados no eixo de rolo duplo traseiro e dois núcleos vazios colocados no eixo de rolo duplo dianteiro. Consulte Como carregar um rolo no eixo.
Se os rolos tiverem comprimentos desiguais, o rolo mais longo deverá ficar à direita, olhando de frente para a impressora; ou à esquerda, olhando por trás. Dessa maneira, quando os rolos mais curtos acabarem, você poderá continuar a impressão com o outro rolo.
observação:
Quando um rolo acabar, você deve encaixar o diferencial no meio do eixo usando a alavanca do lado esquerdo.
  1. Vá para o HP Internal Print Server e selecione o menu Substrate Load/Unload (Carregar/Descarregar Substrato) e selecione a configuração correta.
  2. No Internal Print Server, escolha da lista de tipos de substratos o tipo que você colocou.
  3. Remova os suportes de borda do substrato do cilindro de impressão ou os mova para que não atrapalhem o carregamento do substrato.
      cuidado:
    Carregar o substrato em cima dos suportes da borda pode danificar severamente os cabeçotes de impressão e o carro.
  4. Se pretender utilizar os Suportes centrais de rolo duplo, instale-os agora nos eixos de entrada e saída e mova-os até as posições calibradas para garantir que o substrato seja levado depois para o eixo de saída e enrolado corretamente.
      cuidado:
    A posição calibrada deve ser definida seguindo as instruções fornecidas com o acessório. Uma posição incorreta pode fazer o carro travar (consulte Há rugas e manchas de tinta no substratoHá rugas e manchas de tinta no substrato).
  5. É aconselhável que, durante a colocação, os diferenciais nos eixos de entrada e saída sejam travados.
  6. Traga os novos rolos em seus eixos para a parte traseira da impressora, com a extremidade dentada do eixo à esquerda.
  7. Apoie as extremidades do eixo nas plataformas fornecidas na parte traseira da impressora; as almofadas plásticas são fornecidas para absorver os impactos.
  8. Da mesma maneira, carregue o eixo com os centros vazios na parte dianteira da impressora. Nesse caso, a extremidade dentada do eixo deve estar à direita.
Carregamento manual
observação:
O carregamento assistido não é recomendado para uma configuração de rolo duplo.
  1. Use o Internal Print Server a fim de levantar o feixe do carro para a posição de carregamento.
  2. Abra a porta frontal e o módulo de tratamento.
  3. Abra a mesa de carregamento.
  4. Destrave o diferencial do eixo de entrada.
  5. Desenrole um comprimento de substrato do primeiro rolo de entrada e coloque-o na zona de impressão.
  6. Empurre o substrato do primeiro rolo por dentro da impressora até ele chegar à saída do eixo.
  7. Desenrole um comprimento de substrato do segundo rolo de entrada e coloque-o na zona de impressão.
  8. Empurre o substrato do segundo rolo por dentro da impressora até ele chegar à saída do eixo.
  9. Alinhe o substrato verificando se a borda do substrato está na mesma posição nos eixos de entrada e saída. Isso pode ser feito usando as réguas dos eixos ou medindo a distância entre a borda direita e a placa lateral.
    observação:
    Recomenda-se que alinhar as bordas dos dois rolos pelas linhas de ambos os lados da marca do centro do eixo.
    observação:
    Se você estiver usando a largura máxima de 1,60 m por rolo e os suportes de bordas não forem necessários, o rolo esquerdo deverá ser movido 20 mm em direção ao centro (deixando uma espaço de 20 mm entre os rolos) para um carregamento mais fácil.
    observação:
    O sensor de avanço do substrato deve ser coberto pelo substrato (de 2,52 a 3,10 cm na régua).
  10. Quando o substrato estiver uniformemente tensionado e plano (sem rugas ou deformidades), prenda-o a cada núcleo vazio com fita adesiva. Fixe primeiro o centro e, então as laterais direta e esquerda; não puxe excessivamente nem enrugue o substrato.
  11. Se você estiver usando três ou quatro suportes de borda de substrato, coloque-os na posição correta e prenda-os na parte frontal.
    observação:
    Ao alinhar as bordas do rolo às marcas no eixo de rolo duplo, o suporte de borda central (se necessário) é compartilhado por ambos os rolos. Se você posicionar os rolos de maneira diferente e estiver usando suportes de borda, leve em conta a distância necessária para os suportes de borda.
  12. Feche a porta frontal e o módulo de tratamento.
  13. Se você estiver usando o suporte de bordas de substrato, coloque-o na posição correta e prenda-o na parte traseira.
  14. Feche a mesa de carregamento.
  15. Verifique se os diferenciais do eixo estão destravados.
  16. Use o Internal Print Server para baixar o feixe do carro para a posição de impressão.
  17. Vá para o Internal Print Server e pressione o botão Concluir. A impressora gira os rolos para verificar seus diâmetros e também verifica a largura do rolo, a direção de rotação, o vácuo e a calibração do avanço de substrato (demora cerca de um minuto).
    observação:
    Alguns substratos (como substratos transparentes) não podem ser medidos deste modo pela impressora. Nesses casos, você será solicitado a preencher os campos Borda esquerda e Largura no Internal Print Server. Use a régua do eixo para verificar esses valores.
  18. Um alerta sobre o controle do avanço de substrato poderá aparece nesse momento. Para obter mais informações sobre quando é possível desativar rastreamento automático, consulte Compensação do avanço de substratoCompensação do avanço de substrato.
  19. Para mais informações sobre quando alterar a posição do feixe do carro, consulte Dicas do substrato.
Agora a impressora está pronta para imprimir.

Carregar um rolo (configuração rolo para queda)

O rolo do substrato é montado no eixo de entrada; o substrato impresso será depositado no chão em frente à impressora. O caminho percorrido pelo substrato é: eixo de entrada (1), rolete principal (3), cilindro, desvio frontal (5) e rolete da tensão (7), então, cai no chão.
O substrato pode ser colocado com o lado para impressão voltado para dentro ou para fora no eixo. Se for colocado para fora, o eixo girará na direção contrária. A impressora perguntará pela direção do giro se não conseguir detectar automaticamente.
Antes de carregar um rolo na impressora, carregue o rolo no eixo de entrada. Consulte Como carregar um rolo no eixo.
observação:
O eixo é muito pesado e um rolo de substrato é ainda mais pesado. Recomenda-se o uso de empilhadeiras ou algum outro equipamento para movê-los para a posição; caso contrário, levante uma extremidade para a impressora, e, em seguida, a outra.
Para carregar o substrato, siga o mesmo procedimento que na configuração rolo-para-rolo, exceto que o eixo de saída não é necessário.
  1. Verifique se a alavanca do cilindro de tensão está levantada.
  2. Destrave o cilindro de tensão em ambas as extremidades.
  3. Mova o cilindro para a frente para ter mais espaço para passar o substrato atrás do rolete.
  4. Passe o substrato e empurre o cilindro para trás, tomando cuidado para não prender os dedos entre o cilindro e a guia preta do substrato que fica embaixo e atrás.
  5. Feche as travas em ambos os lados.
  6. Alinhe o substrato verificando se a borda do substrato está na mesma posição do eixo de entrada e do cilindro de tensão. Isso pode ser feito usando as réguas do eixo e do cilindro de tensão ou medindo a distância entre a borda direita e a placa lateral.
  7. Verifique se o substrato está uniformemente tensionado e plano (sem rugas ou deformidades) e feche a alavanca do cilindro de tensão.
  8. Vá para o Internal Print Server e pressione o botão Concluir como na configuração rolo a rolo.

Carregar um rolo (configuração rolo para coletor)

Esta configuração é semelhante à configuração rolo para queda livre com coletor, com a adição de um rolete do coletor e de um moldador de loop
observação:
Não tente carregar ou descarregar o coletor durante a impressão.
Antes de começar a carregar o substrato, selecione um moldador de loop do comprimento correto para corresponder com a largura do substrato. Os tubos a seguir são fornecidos para que você possa criar moldadores de loop de vários tamanhos.
  • Um tubo de 152 mm
  • Dois tubos de 203 mm
  • Um tubo de 305 mm
  • Um tubo de 610 mm
  • Dois tubos de 1067 mm
  • Duas flanges finais a serem colocadas em cada extremidade para evitar que o moldador de loop saia do lugar durante a impressão
Por exemplo, você pode desenvolver dois moldadores de loop.
  • 914 mm: Tubos de 610 mm e 305 mm
  • 1016 mm: Tubo de 610 mm e dois tubos de 203 mm
  • 1270 mm: Tubos de 1067 mm e 203 mm
  • 1372 mm: Tubos de 1067 mm e 305 mm
  • 1524 mm: Tubos de 1067 mm, 305 mm e 152 mm
  • 1829 mm: Tubos de 1067 mm, 610 mm e 152 mm
  • 1981 mm: Tubos de 1067 mm, 610 mm e dois tubos de 152 mm
  • 2032 mm: Tubos de 1067 mm, 610 mm, 203 mm e de 152 mm
  • 2489 mm: Dois tubos de 1067 mm, 203 mm e 152 mm
  • 2642 mm: Dois tubos de 1067 mm, 305 mm e 203 mm
  • 3200 mm: Dois tubos de 1067 mm, 610 mm, 305 mm e 152 mm
  1. Execute todo o procedimento de carregamento da configuração rolo para queda livre.
  2. Carregue um núcleo de substrato vazio no eixo de saída. Para impressão com rolo duplo, carregue dois núcleos com o mesmo diâmetro em um eixo simples (não é recomendável usar eixo de rolo duplo como coletor).
  3. Use os botões do Internal Print Server para avançar a borda frontal do substrato até que ele alcance o núcleo no coletor.
  4. Aperte o substrato para que fique tensionado de modo uniforme, então, prenda a borda frontal ao núcleo com uma fita adesiva (primeiro o centro, depois as laterais). Não pode haver rugas nem sobras no substrato.
  5. Use novamente os botões do Internal Print Server para avançar o substrato de forma que o loop do substrato seja produzido entre o rolete da tensão e o coletor.
  6. Coloque o moldador de loop no loop de substrato.
    observação:
    A detecção de loop é feita no centro da impressora; portanto, evite colocar o pé ou qualquer outro objeto sob a coletor no centro.
  7. Vá para o Internal Print Server e pressione o botão Enable collector (Ativar coletor).
  8. Selecione aa direção de rotação: Outwards (Para fora) é recomendado, pois permite o uso de rolo de saída com até 300 mm de diâmetro. Se você selecionar Inwards (Para dentro), o diâmetro do rolo estará limitado a 200 mm: com um rolo mais largo, o moldador de loop começaria a tocar no rolo.
    observação:
    A direção de rotação não pode ser alterada imediatamente: é necessário desativar e reativar o coletor.
  9. Pressione o botão Concluir.
Agora a impressora está pronta para imprimir.

Exibir informações sobre o substrato carregado

As informações sobre o substrato carregado são exibidas na parte inferior da tela principal do Internal Print Server.
Para obter mais informações, selecione o menu Substrate (Substrato) e, em seguida, Settings (Configurações).

Descarregar um rolo

  1. Verifique se a impressão não está imprimindo.
  2. Vá para o Internal Print Server e selecione Substrate Load/Unload (Carregar/Descarregar Substrato).
  3. Eleve as travas da mesa de carregamento na dianteira da impressora.
  4. Se for necessário elevar o feixe do carro, vá para o Internal Print Server e selecione Carriage beam position (Posição do feixe do carro) > Move to substrate load position (Mover para posição de carregamento de substrato). A impressora eleva o carro. Esse processo leva aproximadamente dois minutos para ser concluído.
    observação:
    Essa etapa é opcional. Pode ser possível descarregar alguns substratos sem elevar o feixe do carro.
  5. Quando o carro tiver sido elevado, recorte o substrato
  6. Bobine o substrato manualmente no rolo de saída.
  7. Abra as travas frontais e remova o rolo de saída da impressora.
  8. Remova o eixo do rolo.
  9. Rebobine o substrato manualmente no rolo de saída.
  10. Abra as travas traseiras e remova o rolo de entrada da impressora.
  11. Remova o eixo do rolo.
Agora a impressora está pronta para o carregamento de novos rolos de entrada e saída.

Predefinições de substrato

Cada tipo de substrato suportado tem suas próprias características. Para proporcionar a qualidade ideal, a impressora altera o modo de impressão de acordo com cada tipo de substrato. Por exemplo, alguns podem precisar de mais tinta e outros exigirem temperaturas mais elevadas para secagem e tratamento. Dessa forma, é necessário fornecer à impressora uma descrição dos requisitos de cada tipo de substrato. Essa descrição é chamada de predefinição de substrato. A impressora é fornecida com predefinições de substrato para alguns tipos específicos de substrato e também para alguns tipos genéricos.
Como é inconveniente percorrer uma lista de todos os tipos de substrato disponíveis, a impressora contém predefinições de substrato somente para os tipos de substrato mais usados.
Para sua comodidade, as configurações de substrato de vários fornecedores podem ser encontradas em http://www.hp.com/go/mediasolutionslocator . É possível verificar a disponibilidade do substrato usando o aplicativo HP Media Locator (Localizador de mídia da HP) disponibilizado nesse site.
Para instalar uma nova predefinição de substrato que você baixou, vá para o Internal Print Server e selecione Substrate (Substrato) > Presets management (Gerenciamento de predefinições) > Import label (Importar etiqueta), em seguida procure o arquivo .oms e clique em Update (Atualizar). Você também pode exportar predefinições de substrato usando Export label (Exportar etiqueta).

Usar um novo substrato

Sempre que você carregar um novo tipo de substrato novo na impressora, deverá escolher uma predefinição do substrato para ele.
  1. Se não aparecer nenhuma predefinição para esse substrato na lista, verifique se há uma predefinição para o seu substrato disponível no HP Media Solutions Locator (http://www.hp.com/go/mediasolutionslocator). Como alternativa, obtenha uma predefinição específica com o revendedor ou fabricante do substrato.
  2. Se nenhuma predefinição específica estiver disponível, tente usar uma predefinição genérica na mesma categoria de substrato.
  3. Se você não ficar satisfeito com os resultados, use o assistente Add New Substrate (Adicionar novo substrato) para criar uma nova predefinição para o seu substrato. Consulte Criar uma nova predefinição de substrato com o assistente Adicionar novo substrato.
  4. Para controle total da predefinição, clone uma predefinição genérica (ou a predefinição obtida com o assistente Adicionar novo substrato) e ajuste as configurações manualmente. Consulte Editar uma predefinição de substrato. Recomendado somente para usuários avançados.

Preparar a impressora para um novo substrato

  1. Sempre que possível, tente assegurar que sua impressora está em ótimo estado antes de criar uma nova predefinição: execute todas as tarefas de manutenção pendentes, em particular verificações de cabeçote de impressão e alinhamento.
  2. Pare a fila de impressão e aguarde até que a impressora conclua o trabalho atual. Nenhum trabalho deve ser enviado à impressora até que a nova predefinição do substrato seja concluída.
  3. Carregue o novo substrato. O processo de carregamento de um substrato na impressora foi criado para ser completamente independente do tipo de substrato. Ao carregar, siga o procedimento correto e certifique-se de que a largura do rolo seja especificada, automaticamente pela impressora ou por você. Você pode não obter os melhores resultados possíveis se houver diferenças significativas entre as larguras especificada e real do rolo.
    observação:
    É recomendável usar a configuração rolo para rolo ao criar uma nova predefinição.
  4. Escolha uma posição de impressão do feixe do carro apropriada: consulte Definir a posição do feixe do carro.

Criar uma nova predefinição de substrato com o assistente Adicionar novo substrato

O assistente Adicionar novo substrato ajuda você a definir as melhores configurações para o seu substrato. Ele primeiro solicita algumas informações sobre o substrato e o uso pretendido, em seguida, imprime algumas impressões de teste e pede para você a avaliá-las. A partir dessas informações, ele cria a nova predefinição.
Para utilizar o assistente, primeiro verifique se o novo substrato está carregado na configuração rolo a rolo, em seguida vá para o Internal Print Server, selecione a guia Substrato e Criar.

Material

A primeira pergunta do assistente pede o material principal do substrato.
  • Vinil autoadesivo inclui vinil autoadesivo moldado, vinil autoadesivo calandrado, vinil autoadesivo perfurado, vinil autoadesivo transparente e vinil autoadesivo refletivo.
  • Faixa de PVC inclui faixa iluminada pela frente, faixa retroiluminada, faixa de scrim, faixa scrimless, faixa de tela com revestimento, faixa blockout, faixa ou lona de cortina de caminhão e PVC revestimento de parede.
  • Papel inclui papel revestido, papel sem revestimento, papel fotográfico, papel fotográfico realista, papel azul-preto, revestimento de parede ou papel de parede, papéis autoadesivos e revestimento de parede sem tecido.
  • Filme e faixa PP e PE inclui filme de polipropileno (PP), papel sintético (do tipo Yupo), Tyvek e faixa revestida de PE ou HDPE (polietileno).
  • Filme PET inclui Filme de poliéster backlit (PET), filme de poliéster frontlit (PET) e filme de poliéster de fundo cinza (PET).
  • Tecido inclui Tecido/material têxtil de poliéster, faixa de tecido, backdrops, tela de tecido com revestimento, tecido frontlit, tecido backlit, canvas, sinalizador e voile *, tecido de algodão, revestimento de parede de tecido, tecido autoadesivo e revestimento de parede com tecido.

Aplicação

A próxima pergunta é sobre como você pretende usar o substrato.
  • Frontlit significa que a impressão será visualizada com luz pela frente do substrato.
  • Backlit significa que a impressão será visualizada com luz por trás do substrato.

Otimizado para

A próxima pergunta é sobre se você deseja dar prioridade à velocidade, à qualidade ou à nenhuma das duas opções.
  • Qualidade de impressão: Você deseja a melhor qualidade de impressão possível.
  • Velocidade de impressão: Você deseja que a impressão seja rápida.

Impressão de teste

Em seguida, o assistente mostrará as configurações propostas para a primeira impressão de teste. Essas configurações são geradas com base nas informações que você já forneceu.
observação:
Se você for um usuário avançado e as configurações sugeridas não atenderem às suas expectativas, poderá selecionar Advanced settings (Configurações avançadas) a qualquer momento e fazer alterações manuais. No entanto, recomenda-se que você faça a primeira impressão de teste para verificar o desempenho geral no substrato.
observação:
Se você cancelar a impressão de teste por estar enfrentando problemas com o substrato ou com a qualidade de impressão, como formação de faixas, considere alterar a predefinição do substrato seguindo as instruções fornecidas em Solução de problemas de substratoSolução de problemas de substrato e Solução de problemas de qualidade de impressãoSolução de problemas de qualidade de impressão.
Depois que a impressão de teste for feita, o assistente fará algumas perguntas sobre ela.
A impressão é organizada em faixas horizontais, que são impressas em um intervalo de densidades diferentes de tinta. Há duas seções diferentes. A parte esquerda (seção A) está focada no desempenho da saturação da cor e do tratamento. A parte direita (seção B) está focada na interação entre diversas densidades de tinta com diferentes níveis de otimizador.
  1. Comece com a seção A. Verifique se alguma das faixas está completamente tratada. Use o patch preto de 4 cores para fazer isso. Faça um teste de manchas, se possível. Verifique se há algum defeito de tratamento visível. Uma possível defeito de tratamento aparece como um padrão de manchas redondas pequenas na impressão, a partir da placa perfurada por onde o ar passa.
    Se você tiver encontrado uma densidade de tinta que esteja perfeitamente tratada, escolha essa ou uma densidade de tinta menor no menu suspenso Ink Density (Densidade da tinta). Nunca selecione uma densidade de tinta com defeitos de tratamento.
    Se nenhuma das faixas de densidade de tinta estiver completamente tratada ou a densidade da tinta que você preferir para a sua aplicação não for tratada, selecione NONE (NENHUM) no menu de densidade de tinta. Em seguida, o assistente gerará outra impressão de teste com configurações diferentes.
  2. Quando você tiver encontrar uma tinta com densidade satisfatória, precisará selecionar a melhor quantidade de otimizador para essa densidade de tinta.
    Dentro da faixa de densidade de tinta que você selecionou, observe a seção B da impressão para determinar a melhor quantidade de otimizador. Observe o sangramento cor-a-cor e o preenchimento de áreas lisas. Se você observar vários níveis de optimizador funcionando bem, recomendamos que escolha a menor quantidade sem defeitos.
    Se você não conseguir encontrar nenhuma quantidade de otimizador oferecendo desempenho satisfatório com a densidade selecionada de tinta, observe as densidades de tinta próximas (geralmente inferiores, mas podem ser superiores, em alguns casos raros). Considere mudar a densidade selecionada de tinta se houver uma combinação sem defeitos. Se você fizer isso, lembre-se de alterar a densidade de tinta no menu suspenso.
  3. Quando você encontrar uma boa combinação de densidade da tinta e otimizador, clique em Next (Avançar) para adicionar o substrato e a condição de impressão que acabou de selecionar. Você pode renomear as duas opções. Em alguns casos, várias condições de impressão são oferecidas de uma vez. Você pode desmarcar as opções que não interessarem.
  4. Recomendamos executar a calibração de cor imediatamente após concluir o assistente para garantir que o processo de calibração possa lidar com a densidade de tinta selecionada.
  5. A nova predefinição agora está carregada no Internal Print Server. Você pode fazer suas próprias impressões de teste ou criar um perfil de ICC com o software RIP.
observação:
Se precisar fornecer condições de impressão diferentes ou alterar as que estão disponíveis atualmente na nova predefinição, você poderá selecionar Edit (Editar) no menu Substrate (Substrato).

Editar uma predefinição de substrato

A edição de uma predefinição tem vários objetivos.
  • Você pode atribuir um nome de sua própria escolha a um substrato específico.
  • Você pode ajustar a predefinição para que esta se adapte às características precisas de seu substrato.
  • Você pode ajustar a predefinição para o uso planejado do substrato, que pode variar de impressão com qualidade superior a saída de produção rápida.
Para editar as características técnicas de um tipo de substrato personalizado, vá para o Internal Print Server e selecione Substrate (Substrato) > Edit (Editar). Isso permite a você alterar todas as configurações importantes na predefinição do substrato. Recomendado somente para usuários avançados.
observação:
Você pode alterar somente as predefinições que criou. As predefinições fornecidas pela HP não podem ser alteradas.
  1. Na parte superior da janela Editar substrato, selecione a categoria do substrato e o nome da predefinição de substrato específica que você deseja editar.
    observação:
    As predefinições genéricas não podem ser editadas.
  2. Na parte central da janela, selecione o número de ciclos, número de cores e a densidade da tinta; em seguida, nomeie a combinação para torná-la visível na caixa de diálogo Print (Imprimir).
  3. Na parte inferior da janela, altere as configurações para a combinação que você nomeou. Pressione Update print mode (Atualizar modo de impressão) se você quiser alterar uma combinação nomeada já existente.
Para obter uma predefinição altamente otimizada com uma finalidade e substrato específicos, poderá ser necessário ajustar outras configurações para compensar. Para obter uma predefinição equilibrado, recomendamos usar o assistente Add New Substrate (Adicionar novo substrato) ou uma predefinição genérica.

Otimizar a predefinição para uma velocidade de impressão mais rápida

Ação

Aumente o número de ciclos.

Possíveis riscos e compensações

  • Risco: Desempenho de tratamento ruim.
    • Compensação 1: Reduz a densidade de tinta em um ou dois níveis para cada nível que o número de ciclos é reduzido.
      Por exemplo: Na maioria dos materiais iluminados pela frente, 6 ciclos com 100% de tinta > 4 ciclos com 80% de tinta > 3 ciclos com 60% de tinta.
    • Compensação 2: Aumenta ligeiramente o fluxo de ar de tratamento para eliminar artefatos de tratamento menores.
    • Compensação 3: Aumenta a temperatura de tratamento se você optar por não compensar com a densidade de tinta.
      observação:
      Isso é possível apenas com substratos que não apresentam defeitos de deformação térmica em temperaturas mais altas.
  • Risco: Ao reduzir o número de ciclos, especialmente para 4 ou menos, alguns artefatos como granulação, sangramento e coalescência poderão se tornar visíveis. É possível compensar até certo ponto com as seguintes configurações:
    • Compensação 1: Reduz a densidade de tinta, conforme descrito acima.
    • Compensação 2: Aumenta o nível de tinta do otimizador em 2% para cada nível que o número de ciclos é reduzido.
      Por exemplo: 6 ciclos com otimizador a 12% > 4 ciclos com otimizador a 14%.
    • Compensação 3: Aumenta o poder da lâmpada de secagem em 10% para cada nível que o número de ciclos é reduzido.
      Por exemplo: 6 ciclos com potência de 50% > 4 ciclos com potência de 60%.

Otimizar para obter a melhor qualidade de impressão e/ou gama mais ampla

Ações

  • Use um conjunto de tintas de 6 cores.
  • Aumente o número de passadas.
  • Aumente a densidade da tinta.

Considerações

  • Um conjunto de tintas de 6 cores permite transições suaves; use sempre essa opção para obter a melhor qualidade de impressão.
  • Use um modo de impressão de 8 ciclos para obter a melhor qualidade de impressão com substratos com iluminação pela frente.
  • Use um modo de impressão de 14 ou 18 ciclos para obter a melhor qualidade de impressão com substratos e tecidos com iluminação por trás.
  • Ao usar um número alto de ciclos, os substratos poderão saturar acima de 100% de tinta (exemplo: 130% com iluminação pela fronte, 300% com iluminação por trás). As densidades mais altas de tinta podem aumentar a gama e a saturação da cor e, em materiais com iluminação por trás, aumentam a opacidade das áreas impressas.
observação:
Isso dependerá muito do substrato.

Otimizar o consumo de tinta

Ações

  • Reduzir a densidade da tinta.
  • Use um conjunto de tintas de 4 cores.

Considerações

  • A redução da densidade da tinta geralmente reduz a gama e a saturação da cor.
  • Uma densidade inferior de tinta pode permitir um número menor de ciclos.
  • Um conjunto de tintas de 4 cores pode reduzir o consumo geral de tinta, já que as tintas ciano claro e magenta claro não serão usadas na impressão.
    observação:
    Um pouco de tinta ainda é usada de cada cabeçote de impressão para manter a integridade do cabeçote de impressão.
  • Um conjunto de tintas de 4 cores é menos resistente a alguns defeitos de qualidade de impressão, como o contorno.

Velocidades recomendadas por tipo de substrato

Densidades de tinta recomendadas por tipo de substrato

Ajustar o fluxo de trabalho de impressão para desempenho de cor superior

  1. Verifique o estado da calibração de cores do substrato e calibre-o se for recomendado selecionando Substrate (Substrato) > Color calibration (Calibração de cores) no Internal Print Server. Consulte Calibração da impressoraCalibração da impressora.
  2. Crie perfis ICC para o substrato; consulte a documentação do RIP para obter instruções.

Remover uma predefinição de substrato

Para remover uma predefinição do substrato da impressora, vá para o Internal Print Server e selecione Substrate (Substrato) > Remove (Remover). Então, selecione a categoria e o tipo do substrato que deseja remover de uma lista de substratos removíveis.

Definir a posição do feixe do carro

A posição do feixe do carro determina a distância vertical entre o cabeçote de impressão e o cilindro. Se for muito grande, a qualidade de impressão será prejudicada. Se for muito pequena, há risco de que os cabeçotes de impressão entrem em contato com o substrato, causando borrões ou danos.
  • A posição de carregamento de substrato não é usada na impressão: ela pode ser usada para carregar o substrato ou na manutenção.
  • Uma posição personalizada é usada com substratos grossos ou com pequenas pregas formadas pelo calor.
    observação:
    Evite a formação de pregas usando substratos que não enrugam ou usando um modo de impressão mais lento que permitirá a diminuição da energia de secagem e tratamento.
    Recomendamos configurar a posição personalizada conforme a espessura do substrato acrescentando 2 a 3 mm para substratos que enrugam, ou 1,5 a 2 mm para substratos que não enrugam.
  • A posição normal é compatível com substratos não enrugados de até 0,4 mm de espessura.
  aviso:
Fique longe das partes em movimentação da impressora até que o feixe do carro atinja a nova posição.
  cuidado:
Não altere a posição de feixe do carro enquanto o rolo de limpeza do cabeçote estiver fora do lugar.

hp-feedback-input-portlet

Ações
Carregando...

hp-feedback-banner-portlet

Ações
Carregando...

hp-country-locator-portlet

Ações
Carregando...
País/região: Flag Brasil

hp-detect-load-my-device-portlet

Ações
Carregando...