hp-support-head-portlet

Ações
Carregando...
Suporte ao Cliente HP - Base de Conhecimento

hp-contact-secondary-navigation-portlet

Ações
Carregando...

hp-share-print-widget-portlet

Ações
Carregando...
  • Informações
    Saiba como atualizar para o Windows 11

    Guia de atualização do Windows 11

    Informações

    Conserte e solucione problemas de atualização do Windows 10 em um Computador ou Impressora HP. Clique aqui

    Informações

    Problemas de áudio ou som? Teste o nosso automatizado HP Audio check!

  • Comentários

hp-concentra-wrapper-portlet

Ações
Carregando...

PC comercial HP Compaq 8100 e Elite 8180 - Utilitário de configuração do computador (F10)

Utilitários de configuração do computador (F10)

Use o Utilitário de configuração do computador (F10) para fazer o seguinte:
  • Alterar configurações do padrão de fábrica.
  • Configurar a data e a hora do sistema.
  • Configurar, exibir, alterar ou verificar a configuração do sistema, incluindo configurações do processador, gráficas, de memória, de áudio, de armazenamento, de comunicações e de dispositivos de entrada.
  • Modificar a seqüência de inicialização de dispositivos de inicialização, como unidades de disco rígido, unidades de disquete, unidades ópticas ou dispositivos de mídia flash USB.
  • Ativar Inicialização Rápida que, embora mais rápida, não realiza todos os testes diagnósticos executados na Inicialização Completa. É possível definir o sistema para:
    • usar sempre a Inicialização Rápida (padrão);
    • usar periodicamente a Inicialização Completa (em intervalos de 1 a 30 dias); ou
    • usar sempre a Inicialização Completa.
  • Selecionar mensagens POST ativadas ou desativadas para alterar o status de exibição de mensagens de autoteste de inicialização POST ("Power-On Self-Test"). A desativação das mensagens POST elimina a maioria das mensagens, como as de contagem de memória, nome do produto e outras mensagens que não correspondem a erros. Se ocorrer um erro de POST, ele será exibido independentemente do modo selecionado. Para alternar manualmente para modo ativado das mensagens POST durante o POST, pressione qualquer tecla (exceto F1 a F12).
  • Estabelecer uma Etiqueta de Propriedade, cujo texto será exibido toda vez que o sistema for ligado ou reiniciado.
  • Inserir o número de identificação patrimonial ou identificação de propriedade atribuído pela empresa a este computador.
  • Ativar a solicitação da senha de inicialização quando o sistema for reiniciado (inicialização a quente) ou quando for ligado.
  • Estabelecer uma senha de configuração que controle o acesso ao Utilitário de configuração do computador (F10) e às definições descritas nesta seção.
  • Resguardar recursos integrados de E/S, como portas seriais, USB ou paralelas, áudio ou NIC integrada, de forma que não possam ser utilizados até serem liberados.
  • Ativar ou desativar a capacidade de inicialização usando discos removíveis.
  • Solucionar erros de configuração do sistema detectados, mas não automaticamente corrigidos durante o autoteste de inicialização (POST).
  • Replicar a configuração do sistema salvando informações de configuração em disquete e restaurando essas informações em um ou mais computadores.
  • Executar testes automáticos em uma unidade de disco rígido ATA específica (quando suportado pela unidade).
  • Ativar ou desativar a segurança DriveLock (quando admitido pela unidade).

Uso dos Utilitários de configuração do computador (F10)

A Configuração do computador só pode ser acessada ao ligar ou reinicializar o sistema. Para acessar o menu dos Utilitários de configuração do computador, siga as seguintes etapas:
  1. Ligue ou reinicie o computador. Se estiver no Microsoft Windows, clique em Iniciar > Desligar o computador > Reiniciar.
  2. Assim que o computador for ligado, pressione F10 quando a luz do monitor ficar verde, para entrar na configuração do computador. Pressione Enter para omitir a tela de abertura, se necessário.
    observação:
    Se a tecla F10 não for pressionada no momento certo, será necessário reiniciar o computador e pressionar F10 novamente quando a luz do monitor ficar verde, para acessar o utilitário.
  3. Selecione o idioma na lista e pressione Enter.
  4. Cinco opções são exibidas no menu de Utilitários de configuração do computador: Arquivo, Armazenamento, Segurança, Energia e Avançado.
  5. Use as teclas de seta (esquerda e direita) para selecionar a opção apropriada. Utilize as teclas de seta (para cima e para baixo) para selecionar a opção desejada, então pressione Enter. Para retornar ao menu Utilitário de configuração do computador, pressione Esc.
  6. Para aplicar e salvar as alterações, selecione Arquivo > Salvar alterações e Sair.
    • Se você tiver feito alterações que não deseja aplicar, selecione Ignorar alterações e Sair.
    • Para reinicializar nas configurações de fábrica ou nas configurações padrão salvas anteriormente (alguns modelos), selecione Definir Padrões e Sair. Essa opção restaurará os padrões originais de fábrica do sistema.
  cuidado:
NÃO DESLIGUE a alimentação do computador enquanto a memória BIOS estiver salvando as alterações das Configurações do computador (F10), pois isso poderá corromper o CMOS. É seguro desligar a alimentação do computador somente após sair da tela de Configuração (F10).
Utilitário configuração do computador (F10)
Cabeçalho
Tabela
Arquivo
Armazenamento
Segurança
Alimentação
Avançado

Configuração do computador – Arquivo

observação:
O suporte a opções específicas do Utilitário de configuração de computador pode variar dependendo da configuração do hardware.
Configuração do computador – Arquivo
Opção
Descrição
Informações do sistema
Listas:
  • Nome do produto
  • Número SKU (alguns modelos)
  • Tipo/velocidade/escalonamento do processador
  • Tamanho do cache (L1/L2) (processadores de núcleo duplo apresentam esse item listado em dobro)
  • Tamanho/velocidade da memória instalada, número de canais (único ou duplo) (se aplicável)
  • Endereço MAC integrado para NIC embutido e ativado (se aplicável)
  • BIOS do sistema (inclui o nome e versão da família)
  • Número de série do chassi
  • Número de patrimônio do equipamento
  • Versão do firmware ME
  • Modo de Gerenciamento
Sobre
Exibe informações sobre direitos autorais.
Definir hora e data
Permite que a hora e data do sistema sejam definidas.
Memória ROM Flash de sistema
Permite atualizar o ROM do sistema com um arquivo de imagem de BIOS localizado num dispositivo de mídia flash USB ou CD-ROM.
Configuração replicada
Salvar em mídia removível
Salva a configuração do sistema, incluindo o CMOS, em um disquete formatado de 1,44 MB, um dispositivo de mídia flash USB ou um dispositivo semelhante a disquete (um dispositivo de armazenamento configurado para emular uma unidade de disquete).
Restaurar por mídia removível
Restaura a configuração do sistema a partir de um disquete, dispositivo de mídia flash USB ou dispositivo semelhante a disquete.
Configuração padrão
Salvar configurações atuais como padrão
Salva os parâmetros de configuração atuais do sistema como o padrão.
Restauração de configurações de fábrica como padrão
Restaura os parâmetros de fábrica de configuração do sistema ao padrão.
Aplicar padrões e sair
Aplica as configurações padrão selecionadas atualmente e cancela as senhas já estabelecidas.
Ignorar alterações e sair
Sai do Utilitário de configuração de sistema sem que as alterações sejam aplicadas ou gravadas.
Salve as alterações e saia
Salva alterações na configuração do sistema ou nas configurações padrão e sai do Utilitário de configuração de sistema.

Configuração do computador – Armazenamento

observação:
O suporte a opções específicas do Utilitário de configuração de computador pode variar dependendo da configuração do hardware.
Configuração do computador – Armazenamento
Opção
Descrição
Configuração do dispositivo
Lista todos os dispositivos de armazenamento instalados controlados pelo BIOS.
Quando um dispositivo é selecionado, informações detalhadas e opções são exibidas. As seguintes opções podem ser apresentadas:
CD-ROM: Sem opções de emulação disponíveis.
Disco rígido: Tamanho, modelo, número de série, cor de conector, SMART, tipo de emulação.
  • Nenhum (bloqueia o acesso aos dados do BIOS e desativa como dispositivo de inicialização)
  • Disco rígido (tratado como um disco rígido).
Modo de trandução (somente discos ATA)
Permite a seleção do modo de tradução a ser usado para o dispositivo. Isso possibilita que a BIOS acesse discos particionados e formatados em outros sistemas e pode ser necessário para usuários de versões antigas do UNIX (por exemplo, SCO UNIX versão 3.2). As opções são Automática, Bit-Shift (chaveador de bit), LBA Assistida, Usuário e Desligada.
  cuidado:
Em geral, o modo de tradução selecionado automaticamente pela BIOS não deve ser alterado. Se o modo de tradução selecionado não for compatível com o modo de tradução que estava ativo quando o disco foi particionado e formatado, os dados no disco ficarão inacessíveis.
Valores padrão(somente discos ATA)
observação:
Este recurso aparece apenas quando o modo de tradução Usuário é selecionado.
Permite que você especifique os parâmetros (cilindros lógicos, cabeças e setores por trilha) usados pela BIOS para traduzir solicitações de E/S (do sistema operacional ou de um aplicativo) em termos aceitáveis pela unidade de disco rígido. Os cilindros lógicos não podem ultrapassar 1.024. O número de cabeças não pode ultrapassar 256. O número de setores por trilha não pode ultrapassar 63. Esses campos poderão ser vistos e alterados apenas quando o modo de tradução da unidade estiver definido como Usuário.
Padrão SATA
Modo de trandução (somente discos ATA)
Permite a seleção do modo de tradução a ser usado para o dispositivo. Isso possibilita que a BIOS acesse discos particionados e formatados em outros sistemas e pode ser necessário para usuários de versões antigas do UNIX (por exemplo, SCO UNIX versão 3.2). As opções são Automática, Bit-Shift (chaveador de bit), LBA Assistida, Usuário e Desligada.
  cuidado:
Em geral, o modo de tradução selecionado automaticamente pela BIOS não deve ser alterado. Se o modo de tradução selecionado não for compatível com o modo de tradução que estava ativo quando o disco foi particionado e formatado, os dados no disco ficarão inacessíveis.
Opções de armazenamento
Inicialização por mídia removível
Ativa/desativa a capacidade de inicializar o sistema usando mídia removível.
Velocidade Máx. eSATA
Permite escolher 1.5 Gbps ou 3.0 Gpbs como a velocidade máxima de eSATA. Por padrão, a velocidade é limitada a 1.5 Gbps para confiabilidade máxima.
  cuidado:
Consulte seu fabricante de unidade de eSATA e cabo antes de ativar velocidade de 3.0 Gpbs. Algumas combinações de unidade e cabo podem não ser executadas de forma confiável em 3.0 Gpbs.
Porta eSATA
Permite definir uma porta SATA como uma porta eSATA para uso com uma unidade externa.
Emulação SATA
Permite que você escolha como o controlador e os dispositivos SATA são acessados pelo sistema operacional. Há três opções suportadas: IDE, RAID e AHCI.
IDE - Essa é a configuração das três opções mais compatível com versões anteriores. Os sistemas operacionais geralmente não requerem suporte adicional de driver no modo IDE.
RAID - Permite acesso por DOS e inicialização para volumes RAID. Use este modo com o driver de dispositivo RAID carregado no sistema operacional para tirar proveito de recursos de RAID.
AHCI (opção padrão) - Permite que sistemas operacionais com drivers de dispositivo de AHCI carregados aproveitem os recursos mais avançados do controlador SATA.
observação:
O driver de dispositivo RAID/AHCI deve ser instalado antes de tentar inicializar de um volume RAID/AHCI. Se você tenta inicializar de um volume RAID/AHCI sem o driver de dispositivo necessário instalado, o sistema irá travar (tela azul). Os volumes de RAID podem ser corrompidos se forem inicializados depois de desativar RAID. Consulte AHCI (Advanced Host Controller Interface) e Formação redundante de discos independentes (RAID) em documento técnico de Empresariais HP Compaq dc7900 em http://www.hp.com para obter mais informações.
Autoteste DPS
Possibilita a execução de autotestes de unidades de disco rígido ATA capazes de executar os autotestes do sistema de proteção de unidade (DPS).
observação:
Essa seleção será exibida somente quando pelo menos uma unidade capaz de executar os autotestes DPS estiver conectada ao sistema.
Seqüência de inicialização
Permite:
  • Especificar a seqüência na qual os dispositivos conectados (como dispositivo de mídia flash USB, unidade de disco rígido, unidade ótica ou placa de interface de rede) serão verificados para obter uma imagem de sistema operacional de inicialização. Cada dispositivo na lista pode ser excluído ou incluído individualmente como fonte de inicialização do sistema operacional.
  • Especifique a ordem das unidades de disco rígido conectadas. A primeira unidade de disco rígido terá prioridade na seqüência de inicialização e será reconhecida como unidade C (se nenhum dispositivo estiver conectado).
observação:
Atribuições de letras à unidade MS-DOS talvez não sejam aplicáveis depois que um sistema operacional não-MS-DOS for iniciado.
Atalho para ignorar temporariamente a seqüência de inicialização
Para inicializar uma vez a partir de um dispositivo diferente do dispositivo padrão especificado na seqüência de inicialização, reinicie o computador e pressione F9 quando a luz do monitor ficar verde. Quando o POST for concluído, uma lista de dispositivos de inicialização será exibida. Use as teclas de seta para selecionar o dispositivo preferido de inicialização e pressione Enter. O computador então será inicializado a partir do dispositivo não-padrão selecionado uma vez.

Configuração do computador – Segurança

observação:
O suporte a opções específicas do Utilitário de configuração de computador pode variar dependendo da configuração do hardware.
Configuração do computador – Segurança
Opção
Descrição
Senha de Configuração
Permite definir e ativar uma senha de configuração (administrador).
observação:
Se houver uma senha de configuração definida, essa senha será necessária para alterar opções do Utilitário de configuração de computador, executar o flash da memória ROM e alterar determinadas configurações 'plug and play' no Windows.
Consulte o Guia de gerenciamento de desktop para obter mais informações.
Senha de Inicialização
Permite que você defina e ative uma senha de inicialização. A mensagem de senha de inicialização aparece depois de uma reinicialização. Se o usuário não digita a senha de inicialização correta, a unidade não inicializará.
observação:
Esta senha não aparece em inicializações "a quente", tal como Ctrl+Alt+Delete ou Reiniciar do Windows, a menos que ativado em Opções de senha (consulte abaixo).
Consulte o Guia de gerenciamento de desktop para obter mais informações.
Opções de senha
(Essa seleção aparece somente se houve o estabelecimento de uma senha de inicialização ou de configuração.)
Permite que você ative/desative:
  • Bloquear recursos antigos (aparecerá somente se uma senha de configuração for definida).
  • Modo de servidor de rede (aparecerá se uma senha de inicialização for definida).
  • Mensagem de senha em Inicialização "A Quente" (Ctrl+Alt+Delete) (aparece se uma senha de inicialização for definida)
  • Configurar modo de navegação (aparecerá se uma senha de configuração for definida) (permite ver, mas sem alterar, as Opções de configuração F10 sem digitar a senha de configuração).
  • Senha rigorosa (aparece se uma senha de inicialização for definida), que, quando ativada, desvia o jumper integrado de senha para desativar a senha de inicialização.
  • Prompt de senha em F9, F11 e &F12 (permite acesso a menus sem entrar senha de configuração).
Consulte o Guia de gerenciamento de desktop para obter mais informações.
Tampa inteligente (alguns modelos)
Permite:
  • Travar/destravar a Trava da tampa.
  • Configure o Sensor de remoção da tampa para Desativar/notificar usuário/configurar senha.
observação:
Notificar usuário alerta o usuário de que o sensor detectou que a tampa foi removida. Senha de configuração exige que a senha de configuração seja inserida para inicializar o computador, se o sensor detectar que a tampa foi removida.
Esse recurso é suportado em apenas alguns modelos. Consulte o Guia de gerenciamento de desktop para obter mais informações.
Segurança do dispositivo
Permite que você selecione Dispositivo disponível/Dispositivo oculto para:
  • Portas seriais
  • Porta paralela
  • Áudio do sistema
  • Controladores de rede (alguns modelos)
  • Dispositivo de segurança integrada (alguns modelos)
  • SATA0
  • SATA1 (alguns modelos)
  • SATA2 (alguns modelos)
  • SATA3 (alguns modelos)
  • eSATA (alguns modelos)
Segurança USB
Permite que você selecione Dispositivo disponível/Dispositivo oculto para:
  • Portas USB frontais
    • Porta USB 3
    • Porta USB 4
    • Porta USB 5
    • Porta USB 6
  • Portas USB traseiras
    • Porta USB 7
    • Porta USB 8
    • Porta USB 9
    • Porta USB 10
    • Porta USB 11
    • Porta USB 12
  • Portas USB acessórias
    • Porta USB 1
    • Porta USB 2
Segurança do slot
Permite desativar qualquer PCI ou slot PCI Express
observação:
Se desativar o slot PCI Express x4 ou o primeiro slot de PCI Express x1, desativará o outro slot PCI Express x1.
Inicialização por serviço de rede
Ativa/desativa a capacidade do computador de ser inicializado a partir de um sistema operacional instalado em um servidor de rede. (Recurso disponível somente em modelos NIC; o controlador de rede deve ser uma placa de expansão PCI ou incorporado à placa do sistema).
IDs do sistema
Permite definir:
  • Identificador patrimonial (identificador de 18 bytes), um número de identificação de propriedade atribuído pela empresa ao computador.
  • Etiqueta de propriedade (identificador de 80 bytes) exibido durante POST.
  • Número de série do chassi ou número do Identificador Exclusivo Universal (UUID). O UUID só pode ser atualizado se o número de série atual do chassi for inválido. (Esses números de ID são normalmente definidos na fábrica e são utilizados para identificar o sistema de maneira exclusiva.)
  • A definição do teclado local (por exemplo, inglês ou alemão) da entrada de ID do Sistema.
Segurança DriveLock
Permite atribuir ou modificar uma senha mestre ou de usuário para unidades de disco rígido. Quando esse recurso estiver ativado, o usuário será solicitado a fornecer uma das senhas do DriveLock durante o POST. Se nenhuma delas for inserida corretamente, a unidade de disco rígido permanecerá inacessível até que uma das senhas seja inserida corretamente durante a inicialização a frio subseqüente.
observação:
Essa seleção será exibida somente quando pelo menos uma unidade que admita o recurso DriveLock estiver conectada ao sistema.
Consulte o Guia de gerenciamento de desktop para obter mais informações.
Segurança do sistema (alguns modelos: estas opções são dependente de hardware)
Prevenção de execução de dados (alguns modelos) (ativar/desativar) - Ajuda a evitar brechas de segurança no sistema operacional.
PAVP (alguns modelos) (desativado/mín/máx) - O PAVP ativa o caminho protegido de vídeo de áudio no Chipset. Isto pode permitir a exibição de algum conteúdo de alta definição protegido que, de outra forma, a reprodução seria proibida. Selecionar Max atribuirá 96 Megabytes de memória do sistema exclusivamente a PAVP.
Tecnologia de virtualização (VTx) (alguns modelos) (ativar/desativar) - Controla os recursos de virtualização do processador. Alterar essa configuração exige desligar e ligar o computador novamente.
Tecnologia de virtualização Direcionada E/S (alguns modelos) (ativar/desativar) - Controla recursos de remapeamento de DMA de virtualização do chipset. Alterar essa configuração exige desligar e ligar o computador novamente.
Tecnologia de execução confiável (alguns modelos) (ativar/desativar) - Controla o processador subjacente e recursos de chipset necessários para suportar um dispositivo virtual. Alterar essa configuração exige desligar e ligar o computador novamente. Para ativar este recurso você deve ativar os seguintes recursos:
  • Suporte de dispositivo de segurança integrado
  • Tecnologia de virtualização
  • Tecnologia de virtualização direcionada E/S
Suporte do dispositivo de segurança integrado (alguns modelos) (ativação/desativação) - Permite ativação e desativação do dispositivo de segurança integrado. Alterar essa configuração exige desligar e ligar o computador novamente.
observação:
Para configurar o dispositivo de segurança integrado, uma senha de configuração deve ser definida.
  • Redefinir as configurações de fábrica (alguns modelos) (não redefinir/redefinir) - A redefinição para padrões de fábrica apagará todas as chaves de segurança. Alterar essa configuração exige desligar e ligar o computador novamente.
      cuidado:
    O dispositivo de segurança integrado é um componente crítico de muitos esquemas de segurança. Apagar as chaves de segurança impedirá acesso a dados protegidos pelo dispositivo de segurança integrado. Escolher Redefinir para configurações de fábrica pode resultar em perda significativa de dados.
Gerenciamento do dispositivo de segurança integrado (alguns modelos) (ativação/desativação) - Esta opção permite que o usuário limite o controle do sistema operacional do dispositivo de segurança incorporado. Alterar essa configuração exige desligar e ligar o computador novamente. Esta opção permite o usuário limite o controle do sistema operacional do dispositivo de segurança integrado.
  • Redefinição do dispositivo de segurança integrado por sistema operacional (alguns modelos) (ativado/desativado) - Esta opção permite que o usuário limite a capacidade do sistema operacional de solicitar uma Redefinição para configurações de fábrica do dispositivo de segurança integrado. Alterar essa configuração exige desligar e ligar o computador novamente.
    observação:
    Para ativar esta opção, uma senha de configuração deve ser definida.
O Suporte de Senha de BIOS de Smart Card (alguns modelos) (ativar/desativar) - Permite que o usuário ative/desative o Smart Card a ser usado em lugar das senhas de Configuração e Inicialização. Esta configuração requer inicialização adicional dentro de ProtectTools® antes que esta opção seja efetivada.
Segurança do Registro Mestre de Inicialização
Protege o registro mestre de inicialização de vírus ou outra corrupção. Salva uma cópia do registro mestre de inicialização atual.
Configurar nível de segurança
Fornece um método para permitir aos usuários finais acesso limitado para alterar opções específicas de configuração, sem ter de conhecer a Senha de configuração.
Esse recurso permite ao administrador a flexibilidade para proteger mudanças de opções essenciais de configuração, ao mesmo tempo em que permite que o usuário visualize configurações de sistema e configure opções não-essenciais. O administrador especifica, caso a caso, direitos de acesso a opções individuais de configuração por meio do menu Configurar nível de segurança. Por padrão, todas as opções de configuração têm uma senha de configuração, indicando que o usuário deve digitar a senha correta durante POST para fazer alterações a qualquer uma das opções. O administrador pode definir itens individuais como Nenhum, indicando que o usuário pode fazer alterações às opções especificadas quando a configuração for acessada com senhas inválidas. A escolha, Nenhum, é substituída por Senha de inicialização se uma senha de inicialização for ativada.
observação:
Configurar modo de navegação deve ser definido para Ativar para que o usuário entre em Configuração sem saber a senha de configuração.

Configuração do computador – Energia

observação:
O suporte a opções específicas do Utilitário de configuração de computador pode variar dependendo da configuração do hardware.
Configuração do computador – Energia
Opção
Descrição
Gerenciamento de energia OS
  • Gerenciamento de energia na execução - Ativar/Desativar. Permite que determinados sistemas operacionais reduzam a freqüência e voltagem quando a carga atual do software não requerer os recursos completos do processador.
  • Economia de energia quando inativo - Estendida/Normal. Permite que determinados sistemas operacionais reduzam o consumo de energia do processador quando este estiver inativo.
  • Reinicialização da unidade de disco rígido ACPI S3 — A ativação desse recurso faz com que a BIOS assegure que as unidades de disco rígido estão prontas para aceitar comandos quando o sistema sair do S3 antes de retornar o controle para o sistema operacional.
  • Ativação por Mouse ACPI S3 PS2 — Habilita ou desabilita a ativação do S3 devido à atividade do mouse PS2.
  • Padrões exclusivos de luz intermitente - Ativar/Desativar. Este recurso é projetado para fornecer uma indicação visual do estado de repouso em que o sistema está. Cada estado de repouso tem um padrão exclusivo de luz intermitente.
    • S0 = LED sólido verde.
    • S3 = 3 piscadas a 1 Hz (50% ciclo de operação) seguido por uma pausa de 2 segundos (LED verde), ciclos repetidos de 3 piscadas e uma pausa.
    • S4 = 4 piscadas a 1 Hz (50% ciclo de operação) seguido por uma pausa de 2 segundos (LED verde) — ciclos repetidos de 4 piscadas e uma pausa.
    • S5 = o LED está desligado.
    observação:
    Se esse recurso for desativado, S4 e S5 ambos têm o LED desligado. S1 (não mais suportado) e S3 dão 1 piscada por segundo.
Gerenciamento de energia de hardware
O gerenciamento de energia SATA ativa ou desativa o barramento SATA e/ou o gerenciamento de energia do dispositivo.
Economia máxima de energia S5—Desliga a energia de todo hardware dispensável quando sistema está desligado para atender o requisito EUP Lote 6 de menos de 1 Watt de utilização de alimentação. Ativando este recurso desativará quaisquer eventos de despertar e serviços de gerenciamento enquanto em S5.
Térmico
Modo inativo do ventilador — Esta barra de gráficos controla a velocidade mínima permitida do ventilador.
observação:
Essa configuração altera apenas a velocidade mínima do ventilador. Os ventiladores ainda são controlados automaticamente.

Configurações do computador — Avançado

observação:
O suporte a opções específicas do Utilitário de configuração de computador pode variar dependendo da configuração do hardware.
Configuração do computador – Avançado (para usuários avançados)
Opção
Cabeçalho
Opções de Power-On
Permite definir:
  • Modo POST (QuickBoot, Clear Memory, FullBoot ou FullBoot Every x Days).
    • QuickBoot = não limpa a memória nem executa um teste de memória.
    • FullBoot = teste de memória (contagem) em inicialização a frio. Limpa a memória em todas as inicializações.
    • Limpa a memória = nenhuma contagem de memória em inicialização a frio. Limpa a memória em todas as inicializações.
    • FullBoot Every x Days = contagem de memória na 1ª inicialização a frio em ou depois do dia x. Nenhuma memória adicional conta até 1ª inicialização a frio em nem depois de x dias. Limpa a memória em todas as inicializações.
  • Mensagens POST (ativar/desativar).
  • O prompt F9 (oculto/exibido). Ativando esse recurso exibirá o texto F9 = Menu de inicialização durante o POST. A desativação desse recurso impede que o texto seja exibido. Entretanto, pressionando a tecla F9 ainda acessará a tela Menu de atalho de inicialização [Seqüência]. Consulte Armazenamento > Seqüência de inicialização para obter mais informações.
  • O prompt F10 (oculto/exibido). A ativação desse recurso irá exibir o texto F10 = Configuração durante o POST. A desativação desse recurso impede que o texto seja exibido. Entretanto, pressionando F10 ainda dará acesso à tela de Configuração.
  • O prompt F11 (oculto/exibido). A configuração desse recurso exibirá o texto F11 = Recuperação durante o POST. Ocultando o recurso impede que o texto seja exibido. No entanto, pressionando F11 ainda tentará inicializar a partição do backup e recuperação HP. Consulte Suporte de inicialização de recuperação de fábrica para obter mais informações.
  • O prompt F12 (oculto/exibido). A ativação desse recurso irá exibir o texto F12 = Rede durante o POST. A desativação desse recurso impedirá que o texto seja exibido. Entretanto, pressionar F12 forçará o sistema a tentar inicializar a partir da rede.
  • Suporte de inicialização de recuperação de fábrica (Ativar/Desativar). Ativar este recurso causará uma mensagem adicional, F11 = Recuperação, a ser exibida durante POST em sistemas com Backup de HP e software de Recuperação instalados e configurados com uma partição de recuperação no disco rígido de inicialização. Pressionando F11 faz com que o sistema inicialize para a partição de recuperação e ative o Backup e Recuperação da HP. O prompt F11 = Recuperação pode ficar oculto com a opção de prompt F11 (oculto/exibido) (veja acima).
  • Prompt da ROM opcional (ativar/desativar) A ativação desse recurso fará com que o sistema exiba uma mensagem antes de carregar ROMs opcionais. (Esse recurso é admitido apenas em determinados modelos.)
  • Fonte de inicialização de despertar remoto (servidor remoto/unidade de disco rígido local).
  • Após falta de energia (desligado/ligado/estado anterior): Configurar esta opção para:
    • Desligado — faz com que o computador permaneça desligado quando a alimentação é restabelecida.
    • Ligado — faz com que o computador ligue automaticamente logo que a alimentação for restabelecida.
    • Ligado — permite ligar o computador utilizando o interruptor de um filtro de linha, caso o computador esteja conectado em um filtro de linha.
    • Estado anterior — faz com que o computador ligue automaticamente logo que a alimentação é restabelecida, caso ele estivesse ligado quando a energia foi desligada.
observação:
Se você desligar a energia do computador usando o interruptor no filtro de linha, não será possível usar o recurso suspender/dormir ou os recursos do Gerenciamento remoto.
  • Multi-Processor (ativação/desativação). Use esta opção para desativar o suporte de multi-processador sob o sistema operacional.
  • Hyper-Threading (ativação/desativação). Permite que você ative ou desative o Hyper-threading. O padrão é ativado.
  • Intervalo do POST (Nenhum, 5, 10 15 ou 20 segundos). A ativação deste recurso irá acrescentar um intervalo especificado pelo usuário ao processo do POST. Esse intervalo às vezes é necessário para os discos rígidos em algumas placas PCI que aumentam de velocidade muito devagar, tão devagar que não estão prontos para serem inicializados no momento em que o POST é finalizado. O intervalo do POST também fornece mais tempo para selecionar a tecla F10 para entrar em Configuração de computador (F10).
  • Limite o Valor Máximo de CPUID para 3. Restringe o número de funções CPUID relatadas pelo microprocessador. Ative este recurso se estiver inicializando com WinNT.
  • Ignorar o Prompt F1 em alterações de configuração (Ativar/Desativar). Permite definir o computador para não confirmar quando as alterações foram feitas.
Executar teste de memória (alguns modelos)
Reinicializa o computador e executa o teste de memória POST.
Ativação do BIOS
Permite definir o computador para ligar automaticamente em um horário especificado.
Dispositivos integrados
Permite que você defina recursos ou desative dispositivos integrados do sistema (controlador de disquete, porta serial ou porta paralela).
Dispositivos PCI
  • Relaciona os dispositivos PCI instalados atualmente e as respectivas configurações de IRQ.
  • Permite que você reconfigure as definições IRQ para esses dispositivos ou desative-as completamente. Essas definições não têm nenhum efeito em sistema operacional com base em APIC.
Configuração do PCI VGA
É exibida somente se houver vários adaptadores de vídeo PCI no sistema. Permite que os usuários especifiquem qual controlador VGA será o controlador VGA de "inicialização" ou primário.
observação:
Para visualizar essa entrada, é necessário ativar o Vídeo Integrado (Avançadas > Opções de Dispositivo) e Salvar Alterações e Sair.
Opções de barramento
Em determinados modelos, permite que você ative ou desative:
  • Geração de SERR# PCI.
  • PCI VGA Palette Snooping, define o bit de VGA Palette Snooping no espaço de configuração PCI; somente necessário quando mais de um controlador gráfico é instalado.
Opções do dispositivo
Permite definir:
  • Modo da impressora (bidirecional, EPP + ECP, somente saída).
  • Estado do Num Lock durante a Inicialização (desligado/ligado).
  • Despertar do S5 em LAN (ativar/desativar).
    • Para desativar Wake-on LAN durante o estado desligado (S5), use as teclas de seta (esquerda e direita) para selecionar o menu Avançado > Opções de Dispositivo e defina o recurso Wake on LAN S5 para Desativar. Isto faz com que fique disponível o menor consumo de energia no computador durante o S5. Isso não afeta a capacidade do computador 'Despertar em LAN' a partir do modo de suspensão ou hibernação, porém impede que ele seja acionado a partir do S5 por meio da rede. Não afeta a operação da conexão da rede enquanto o computador está ligado.
    • Se não for necessária uma conexão de rede, desative completamente o controlador de rede (NIC) utilizando as teclas de seta (esquerda e direita) para selecionar o menu Segurança > Segurança do Dispositivos. Defina a opção Controlador de rede como Dispositivo oculto. Isso impede que o controlador de rede seja usado pelo sistema operacional e reduz a energia usada pelo computador no S5.
  • Alto-falante interno (alguns modelos) (não afeta alto-falantes externos).
  • Download de ROM Opcional de NIC (PXE, iSCSI ou desativar). iSCSI é semelhante a PXE mas também suporta IPv6. A BIOS contém uma ROM embutida opcional do NIC para permitir à unidade ser inicializada através da rede por um servidor PXE. Isso é normalmente usado para fazer download de uma imagem corporativa para uma unidade de disco rígido. A ROM opcional do NIC utiliza espaço de memória abaixo de 1 MB, normalmente referenciado como espaço DOS Compatibility Hole (DCH). Esse espaço é limitado. Essa opção do F10 permite aos usuários desativar o download de ROM opcional embutida do NIC, assim fornecendo mais espaço DCH para placas PCI adicionais que podem precisar do espaço opcional da ROM. O padrão é ter a memória ROM opcional de placa NIC ativada.
  • Modo turbo (ativação/desativação). Permite que alguns núcleos de processador executem mais rapidamente do que a frequência nominal quando o consumo de energia total está suficientemente baixo. O padrão é ativado.
Dispositivos de Gerenciamento
O menu de Dispositivos de Gerenciamento só será exibido no menu Avançado quando o BIOS detectar múltiplas opções de gerenciamento.
Esta opção é para cartões NIC instalados que suportam ASF ou DASH. Use o menu de Dispositivos de Gerenciamento para selecionar se as operações de gerenciamento de BIOS serão pela solução incorporada ou um dos cartões NIC instalados.
Operações de gerenciamento
Permite definir:
  • Prompt de Configuração de MEBx (ativar/desativar). Ativando este recurso aparece o prompt CTRL + P durante o POST. A desativação desse recurso impede que o prompt seja exibido. No entanto, pressionar CTRL+P ainda acessa o utilitário que é usado para configurar definições da capacidade de gerenciamento.
    A função CTRL + P ativa o menu de Configuração de MEBx. Se a Senha de configuração estiver configurada, o usuário será solicitado a digitá-la corretamente antes de ser permitido entrar na Configuração de MEBx. Se a senha for digitada incorretamente três vezes, a Configuração de MEBx não será ativada.
  • Prompt de Ajuda do PC Remoto Intel (ativar/desativar). Ativando este recurso aparecerá o prompt CTRL + ALT + F1 durante o POST. A desativação desse recurso impede que o prompt seja exibido. No entanto, pressionando Ctrl+Alt+F1 ainda acessa o utilitário que é usado para tentar conectar a servidor ou serviços remotos de ajuda.
  • Tempo Limite de Ajuda do PC Remoto Intel (5, 10, 15, 20, 30, 40, 50, 60, 120, 180, 240 segundos). Permite ao usuário/administrador definir um prazo para Ajuda Remota estabelecer contato com um servidor remoto quando iniciado.
  • Modo de Emulação Terminal SOL (ativar/desativar). Seleciona entre emulação terminal VT100 e ANSI SOL. O modo de emulação terminal SOL é ativado somente durante operações remotas de redirecionamento de AMT. As opções de emulação permitem que os administradores selecionem quais trabalhos de modo melhor combinam com seu console.
  • Teclado SOL (ativar/desativar) Desative ou ative o teclado de cliente durante sessões de SOL. Alguma remediação remota pode envolver ter a inicialização de cliente local em uma imagem remota fornecida por um administrador. Esta opção determina se o BIOS manterá o teclado local ativado ou desativado para possível interação de cliente local. Se o teclado local estiver desativado, toda a entrada de teclado só é aceitada da origem remota.
  • Desconfigurar AMT em inicialização seguinte. Permite redefinir as configurações de AMT.

Recuperação das definições de configuração

Esse método de recuperação exige que você primeiro execute o comando Salvar em mídia removível, com o Utilitário configuração do computador (F10) antes que seja necessário Restaurar. (Veja em Configuração do computador - Mesa de arquivo.)
observação:
Recomenda-se salvar qualquer configuração modificada do computador em um disquete, dispositivo de mídia flash USB ou dispositivo semelhante a disquete (dispositivo de armazenamento definido para emular uma unidade de disquete) e guardar o disquete ou dispositivo para possível uso futuro.
Para restaurar a configuração, insira o disquete, dispositivo de mídia flash USB ou outra mídia de armazenamento emulando um disquete com a configuração salva e execute o comando Restaurar de mídia removível com o Utilitário configuração do computador (F10). (Veja em Configuração do computador - Mesa de arquivo.)

hp-feedback-input-portlet

Ações
Carregando...

hp-feedback-banner-portlet

Ações
Carregando...

hp-country-locator-portlet

Ações
Carregando...
País/região: Flag Brasil

hp-detect-load-my-device-portlet

Ações
Carregando...